Site Overlay

Novo estudo prova a misteriosa origem das auroras boreais

Novo estudo prova a misteriosa origem das auroras boreais

Teoria primeiramente introduzida em 1964 pelo físico russo Lev Landau foi agora provada

A aurora boreal é, talvez, o maior espetáculo natural de luzes da Terra, um fenômeno exclusivo de elevadas altitudes que há muito tempo entusiasma leigos e especialistas. A sua origem sempre foi discutida, mas nunca tinha sido provada, até agora.

Um grupo de cientistas  da Universidade do Iowa, nos Estados Unidos, provou que “as auroras mais brilhantes são produzidas por poderosas ondas eletromagnéticas durante tempestades geomagnéticas”, cita a CNN.

O estudo, que foi agora divulgado, prova que este fenômeno acelera os elétrons em direção à Terra, fazendo com que as partículas produzam o espetáculo de luzes.

Greg Howes, docente associado do Departamento de Física e Astronomia da Universidade do Iowa e coautor do estudo, indicou à publicação que “as medições revelaram que esta pequena população de elétrons” passa por uma aceleração que é “semelhante a um surfista pegando uma onda e sendo continuamente acelerado à medida que vai avançando na onda”.

Esta ideia – agora provada – foi primeiramente introduzida em 1964 pelo físico russo Lev Landau.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *